Press "Enter" to skip to content

Tudo que você precisa saber sobre E-commerce

Conheças as principais táticas e métricas para ter um negócio online

O E-commerce está cada vez crescendo mais no Brasil, tornando-se um dos principais caminhos para lucrar com vendas. Segundo a Ebit, que produz o mais completo relatório sobre o mercado de e-commerce, em 2019 o faturamento do e-commerce no Brasil cresceu 16,3%. Em contrapartida, até 30 de abril de 2020 já havia sido atingido 32% dos resultados de 2019.

Esses dados estão relacionados com a alta do número de consumidores online. O brasileiro já vinha se acostumando com o ambiente de compras da internet e com a pandemia isso apenas se fortificou. O mês de março de 2020 teve uma variação de 48,3% de faturamento dos e-commerces em relação ao mesmo período em 2019.

Esses dados mostram que esse modelo de negócio está apenas crescendo e vale seu investimento. Para isso, montamos um guia completo com tudo que você precisa saber para seu e-commerce ser um sucesso.

O que é um e-commerce

Mas afinal, qual a diferença entre e-commerce, marketplace e loja virtual? Nós explicamos tudo para você agora!

Os marketplaces, como Mercado Livre, são, no conceito mais básico, portais de vendas. Qualquer usuário pode cadastrar seu produto e fazer sua venda. Você pode cuidar de uma loja virtual por um marketplace, Sophia Amoruso é uma das maiores empresárias do mundo que criou uma varejista de moda feminina pelo eBay, mas em certo momento percebeu que para ser um e-commerce necessitava de opções que um marketplace não oferecem.

Uma loja virtual é o que chamam o canal de vendas apenas. Dentro de um e-commerce você tem sua loja virtual seja um site ou perfil de instagram, sendo todo o resto como blog, email marketing, propagandas não considerados parte do conceito de Loja virtual.

O e-commerce é o modelo de negócio online mais completo. Assim sendo, a maneira certeira, mesmo que mais trabalhosa, de se ter um negócio digital. Um e-commerce trabalha tanto a parte de atração do cliente, quanto vendas e entrega. O diferencial para um negócio de sucesso online continua sendo o atendimento!

Principais Atividades de um e-commerce

Para ter um um e-commerce você precisa cuidar de todos os processos, são eles: atendimento, vendas e entregas.

O cliente precisa ser atraído para sua loja virtual. Dentro da loja, é preciso administrar o processo de pagamento e, principalmente, o estoque. O estoque  é uma das maiores dificuldades relatadas pelos donos de negócios digitais. Para produtos digitais, a plataforma deve ser analisada e controlada diariamente; para produtos físicos, o controle deve ser ainda maior para não correr o risco de vender algo que já se esgotou. Mais para frente falaremos mais sobre todas as categorias de produtos.

Continuando, após a venda é preciso entregar seu produto. Assim, entramos na logística de cálculo de frete e formas de envio. Você pode optar por transportadoras, motoboys ou Correios. Para todo esse processo e para o pós-vendas, é necessário ter uma comunicação próxima com seu cliente.

Para melhor trabalhar com todas essas atividades, a dica é ter setores principais dentro do seu e-commerce: Marketing e Comunicação, Financeiro e Logística. O marketing é essencial para atrair o maior número de interessados para sua loja e acompanhar seus clientes, o financeiro para cuidar dos pagamentos e caixa, e logística para organizar o estoque e controlar as entregas.

Pesquisa de Setores

É importante também adaptar seu negócio digital para seu setor de vendas. 

  • Primeiro: trabalhe com o que você gosta! 
  • Segundo: entenda sua persona!

Seu e-commerce não será um sucesso se você não criar algo diferenciado e se você não entender quem é seu público alvo.

Tipos de e-commerce

Como acabamos de falar são vários setores para trabalhar com e-commerce! As maiores diferentes entre são os tipos de negociação e de produtos oferecidos. Vamos falar sobre algumas categorias agora.

B2C X B2B

Para quem não é familiarizado com esses termos eles representam negócios direcionados a clientes, B2C (Business to Costumers), e negócios direcionados a empresas, B2B ( Business to Business). Basicamente, B2C é quando você vende diretamente para quem vai consumir e B2B são vendas para empresas e não para o seu cliente final. Exemplos de vendas B2B são peças para assistência técnica, contratação de serviços ou fornecer matéria prima. Sistemas de vendas B2B costumam ser mais complexos.

Atacadista X Varejista

Atacadistas são mercados que vendem grandes quantidades de produtos, normalmente em lotes. Eventualmente, seu maior desafio é a entrega. Esse modelo de negócio não é o mais comum na internet.

Varejistas são as lojas que mais vemos, seja para comprar algumas camisetinhas, uma capinha de celular ou uma almofada personalizada. Aqui o maior desafio é o estoque como conversamos um pouco antes. O controle tem que ser preciso sobre quantidade, tamanhos, cores e, se o seu négocio é de produtos personalizados, cuidado com essas personalizações!

Produtos digitais X Produtos físicos

Temos certeza que você conhece a maior empresa de produtos digitais da atualidade: Netflix ! Negócios de produtos digitais vendem conteúdo e informações como e-books, apostilas de estudo, filmes, séries, músicas, etc. A logística para esse sistema é mais fácil, afinal o único controle é liberar o conteúdo certo para os pagantes. A maior dificuldade para esses e-commerces é a pirataria.

Os negócios de produtos físicos não entregam tão rápido, mas não correm de serem pirateados. Vamos reforçar mais uma vez a necessidade de controlar bem o estoque e introduzir um assunto muito importante: Marketing Digital! Para produtos físicos é muito importante você vender bem seu produto: seja sincero sobre as especificações do seu produto, seja realista com preços e empático no atendimento!

Passos para ter sucesso com seu e-commerce

Agora vamos falar do mais esperado por você: Afinal, quais são as estratégias para montar um e-commerce de sucesso?

1º: Defina seu modelo E-commerce

Não há como vencer no mundo digital se você não entender 100% do seu produto e do seu cliente. Antes de qualquer coisa, estude o seu setor de vendas e o que é necessário para alavancar as vendas do seu produto. 

A fim de fazer um bom marketing, entenda as diferenças do seu produto em relação a maioria. O que faria alguém escolher sua loja? Porque esse alguém deve escolher o seu produto? O que você oferece de diferente? Responda essas perguntas e você vai entender qual caminho seguir para atrair seus clientes.

Igualmente, estude sua persona! Que interesses ele tem no seu setor de vendas? Que interesses ele tem no seu produto? Que tipo de informações ele consome? Quais são suas principais atividades? Como ele toma suas decisões? O que o influencia? Entendendo a persona você saber melhor qual linguagem usar no marketing e no atendimento, o que vai atraí-lo no seu site além de ajudar a desenhar todas as suas estratégias!

2º: Crie um site!

Ter seu site é essencial, claro, mas não apenas crie um site. Faça algo fácil de usar, que seu cliente conseguirá encontrar o que busca com facilidade e não esqueça que você precisa conseguir adaptá-lo com facilidade. Existem diversas plataformas para criar sites que são fáceis de usar como WordPress e Wix. Além disso, você mesmo pode ir atrás de criar seu site usando linguagens de programação, hoje em dia as linguagens estão cada vez mais simples de maneira que todos conseguimos aprender com manuais e aulas online.

3º: Invista em Marketing!

Aqui no blog temos diversos conteúdos para ajudar você no seu planejamento de marketing para alavancar seu negócio. Recomendamos estudar as seguintes estratégias:

  • Marketing de Conteúdo
  • Inbound Marketing
  • Email Marketing
  • Marketing de redes sociais

E nossa maior recomendação:

SEO

Estudar SEO (Search Engine Optimization) é essencial para trazer seu marca para um lugar de destaque. Com SEO você foca em melhorar seu tráfego no site e sua classificação no Google para aparecer nas primeiras páginas de resultados. Essa otimização é muito importante para garantir que os clientes vão encontrar sua loja.

Métricas para E-commerce

Contudo, como saber que eu estou fazendo sucesso na internet?

Depois de aprender tudo isso sobre modelo de negócio, categorias, estratégias e passos, você precisa aprender a medir o seu sucesso! Existem diversas métricas que um empreendedor digital precisa acompanhar, você pode retirar esses dados de plataformas do Google como o Analytics, para gerar relatórios sobre melhorias e investimentos. 

1ª: Tráfego do site 

Primeiramente, você precisa garantir que as pessoas estão encontrando e acessando seu site. O tráfego do seu site calcula o número de acessos diariamente. Além disso, vale a pena conferir quantas páginas o usuário acessa em uma visita, a taxa de rejeição e acompanhar os abandonos de carrinhos.

2ª: Visitantes únicos e visitantes recorrentes

Preste atenção em quem sempre está no seu site! Esses são clientes que você conseguiu fidelizar com a sua marca. Vale a pena trabalhar com esses dados criando, por exemplo, condições especiais para “fãs” ou promoções para clientes fiéis.

3ª: Avaliações

Seus clientes vão deixar avaliações se estiverem satisfeitos e também não ficarem. É preciso acompanhar essas avaliações tanto em quantidades recebidas quanto em qualidades. Dê atenção às baixas notas e tente reverter as opiniões desses clientes. 

4ª: Atendimento

O diferencial das lojas sejam físicas ou onlines sempre será o atendimento! Dentro disso contamos o processo de compra, otimização do site, explicação dos produtos, processo de pagamento e em especial o atendimento humano. Compare sempre o tempo médio de suas respostas, taxas de satisfação de seus clientes e trate-os com pessoalidade e empatia. Apesar de estarmos vendo telas de computadores, dos dois lados são pessoas!

Assim, o trabalho principal para ter um e-commerce é melhorar seu tráfego e atrair seu público. Não espere resultados imediatos, alcançar boas posições precisa de trabalho árduo e constante.

Com a finalidade de trazer mais conteúdo para você, assine nossa newsletter, e deixamos aqui mais alguns artigos bem interessantes:

  • Como criar sua Loja Virtual em minutos – Por Neil Patel.
  • Guia Completo para o E-commerce de Sucesso – Por Hubify.
  • O que é E-commerce? – Por Rock Content.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *